Novidade

Este blogue mudou-se. Está agora no facebook. Um dia voltará a viver no blogger, numa casa nova e moderna. Até lá, boas novelas!
Para TODOS os fãs de telenovelas Brasileiras e Portuguesas espalhados pelo mundo.
Portuguese blog about Brasilian/Portuguese tv soaps for fans all over the world.

email desactivado por google devido a spam
alternativa: novelas para recordar npr arroba gmail.com

segunda-feira, 1 de junho de 2009

CR: Aproxima-se o FIM

A novela "O Cravo e a Rosa" está a chegar ao final. Mesmo que não se acompanhasse a história, a forma como os acontecimentos estão a desenrolar-se em catapulta, faz com que se perceba o que se passa.
.
Mas porquê que é que todos os finais têm de ser assim?
.
Quer dizer: andam todos ali, episódio atrás de episódio, sem descobrir as intenções de Lindinha, para, num de repente, tudo mudar. E não é só esta parte da história, mas todas as paralelas também, começam a caminhar para um final rápido. Seu Calisto, após um enfadonho "beija-ou-não-beija" Mimosa, subitamente pede-a em casamento, depois dá o dito por não dito, mas ela aceita-o à mesma, ao invés de ficar ofendida e recusar, prolongando assim a história, mas sendo fiel à sua personalidade até então.
.
O fim aproxima-se mesmo. E lamento saber que alguns "casais" ficam juntos. O arrependimento deve estar reservado para Lindinha, que se sabe ficar com Januário. Acho mesmo que não merece. Nem o pobre coitado merece tal sina!
.
Bianca, eterna gata borralheira um tanto sonsa e sofredora, acaba por casar com o professor. Mas este merecia melhor sorte que esta panhonha. Candoca, que parece o conhecer tão bem e sempre está do seu lado nos bons e maus momentos, apaixonada que era por ele de início, merecia essa recompensa: o amor de um homem íntegro que jamais a atraiçoará. Mas a pobre vai ter de se contentar com Celso... outro que deve mudar subitamente de carácter. Mais um "milagre" dos finais das novelas!
.
Já não recordo o final de Cornélio, mas tenho cá para mim que acaba com Dinorah, embora com um papel invertido ao do passado. Passam a brincar ao patrão e empregada.... ou melhor: patrão e camareira! Mais uma vez, talvez Dalva merecesse provar desse longo amor que sempre sentiu por Cornélio. Mas ao invés disso, vai ensinar umas coisinhas ao jornalista Serafim...
.

2 FEED-BACK -DEIXE OPINIÃO:

Laura Caçoeiro 2 de junho de 2009 às 11:57  

O Cornélio acaba mesmo com Dinorah, qua acaba por ir dormir no tapete.

Boboquinha 2 de junho de 2009 às 21:16  

Que sina! E tem de aturar as neuras da sogra?

face

    © Blogger template by Emporium Digital 2008

Back to TOP